Após decisão do STF, Santuário Nacional de Aparecida volta a ter missas sem presença de fiéis

Celebrações agora serão transmitidas pela internet a partir desta sexta-feira (9). Basílica chegou a ter missa com 154 pessoas no domingo de Páscoa após decisão monocrática do ministro Nunes Marques.

Após o Supremo Tribunal Federal (STF) decidir nesta quinta-feira (8) que estados e municípios podem impor restrições a celebrações religiosas presenciais durante a pandemia de Covid-19, o Santuário Nacional de Aparecida informou que vai suspender a presença de público nas celebrações das basílicas a partir desta sexta-feira (9).
No estado de São Paulo, as celebrações ficaram restritas ao público desde o dia 15 de março com previsão de que a medida dure enquanto estiver em vigor a fase emergencial do Plano SP.
No último sábado (3), o ministro Nunes Marques do STF liberou em decisão monocrática que igrejas realizassem cultos e missas com a presença de fieis.
Por isso, na missa de Páscoa, a principal celebração na Basílica de Aparecida contou com 154 pessoas. Todos usaram máscaras e obedeceram critérios de segurança sanitária, como manter distanciamento.

PROGRAMAÇÃO SEM A PRESENÇA DE FIÉIS
Com o retorno das celebrações sem a presença dos devotos, durante a fase emergencial, apenas a visitação à Basílica, à imagem da Santa e à Capela das Velas serão mantidas, obedecendo distanciamento e uso de máscaras.
As missas serão transmitidas pela internet. Veja a programação:

Segunda a sexta
• Missas no Santuário Nacional: 6h45, 9h, 12h
• Basílica Velha: 15h (Consagração), 18h (Missa)

Sábado
• Missas no Santuário Nacional: 9h, 12h, 18h


Domingo
• Missas no Santuário Nacional: 8h, 12h, 18h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *