Crianças brigam na escola e mãe incentiva filho a pedir desculpas e dar flores para colega em Taubaté

Com o gesto, intenção da cabeleireira Graziele Helena, mãe de Isac, foi ensinar valores como respeito e educação às mulheres. Alunos têm cinco anos.

Uma briga entre crianças na escola foi a oportunidade para uma mãe de Taubaté dar uma lição de vida ao filho, de 5 anos. A cabeleireira Graziele Helena da Silva, mãe do menino Isac, incentivou o filho a pedir desculpas e dar flores para uma colega após um desentendimento entre eles na sala de aula, na última sexta (15) em uma escola municipal em Taubaté (SP).

Quando a diretora ligou avisando a Grazieli sobre o ocorrido, ela disse que questionou o filho, que disse que estava brincando – na ‘brincadeira’, ele teria provocado a colega Nathaly, da mesma idade, com cutucões usando um lápis .

“Principalmente por se tratar de uma menina eu falei que não era brincadeira. Se ele se acostuma com isso, ele cresce achando que pode ser agressivo ou bater”, disse.

Para ensinar o filho valores como educação e respeito, a cabeleireira teve uma ideia. “Fomos ao mercado e falei pra ele escolher uma flor pra ela. Ele gostou da proposta e escolheu. Em casa eu sempre falo oriento que ele nunca pode bater ou ser agressivo com uma mulher”, contou Graziele.

A atitude surpreendeu Adriana Brito, mãe da Nathaly – ela e Graziele não se conheciam até o episódio envolvendo os filhos. “Em um momento em que se fala muito sobre o feminicídio, a mãe ensinou pra o garoto o que é ser um homem de verdade e como se trata uma mulher”, falou.

Para retribuir o gesto, ela escreveu uma carta para Graziele para agradecer pela iniciativa e conta que a filha também absorveu o aprendizado. “A Nathaly agora diz ‘menino não bate em menina, né mamãe?!’ e está cuidando da planta com carinho”, concluiu Adriana.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *