Padre do Santuário Nacional de Aparecida morre com suspeita de Covid-19

Padre Carlos Artur Annunciação era redentorista e morava no convento dentro do Santuário Nacional.

O padre Carlos Artur Annunciação morreu aos 73 anos com suspeita de Covid-19 em Aparecida nesta quarta-feira (26). O sacerdote era redentorista e morava no convento dentro do Santuário Nacional de Aparecida.

Padre Carlos estava internado no Hospital Frei Galvão desde o início da semana passada com quadro de pneumonia. De acordo com a administração do Santuário, o quadro se agravou, ele não resistiu e morreu na noite desta quarta-feira (24). Apesar de não haver confirmação por exame de Covid-19, o tratamento dele seguiu os protocolos indicados para a doença.

A família do religioso, que era de São Paulo, participou da missa das 9h no Santuário nesta quinta, onde foram prestadas homenagens. O corpo de Carlos Artur foi enterrado no cemitério Santa Rita, por volta das 10h. Por causa dos protocolos da Covid-19, não houve velório ou cortejo.

O convento Missionários Redentorista, onde ele morava, fica dentro do Santuário Nacional e serve de moradia para os sacerdotes e missionários. Ao todo, 34 padres vivem no local. A Vigilância Epidemiológica de Aparecida informou que, por causa da morte vai tomar acompanhar os padres do local.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *