Homem é preso suspeito de duplo homicídio em Pindamonhangaba

Crime foi no dia 14 de janeiro quando um grupo invadiu uma casa em Moreira César e abriu fogo contra os moradores. Duas pessoas morreram e três foram baleadas. Van usada na ação foi apreendida.

Um homem de 33 anos foi preso em Guaratinguetá, na segunda-feira (28), suspeito de participação no duplo homicídio em Pindamonhangaba. O crime foi no dia 14 de janeiro quando um grupo invadiu uma casa no distrito de Moreira César e abriu fogo contra os moradores. Além dos dois mortos, três pessoas, entre elas uma grávida, foram baleadas. A van usada na ação também foi localizada e apreendida pela polícia. (leia abaixo)

De acordo com a polícia, o homem é de Guaratinguetá e foi identificado durante a investigação. Com mandado de prisão em aberto contra ele desde a semana do crime, o homem era procurado. O suspeito foi preso depois de se apresentar no hospital Frei Galvão com uma fratura no braço. A polícia foi acionada e ele acabou preso em flagrante.

Esse é o primeiro suspeito preso pelo crime. Segundo a Polícia Civil de Guaratinguetá, que trabalha em conjunto com Pindamonhangaba, além desse crime, o homem preso é suspeito também de tráfico de drogas.

Outros sete mandados estão em aberto contra suspeitos de envolvimento no crime. A expectativa da polícia é de que, com a prisão dos suspeitos, os demais sejam identificados.

Van

A van usada na ação tinha sido apreendida pela polícia no último dia 21, abandonada em uma estrada entre Potim e Guaratinguetá.

O veículo tem placas de São Vicente, no litoral sul paulista, e o proprietário é um ex-presidiário também suspeito de participar do duplo homicídio. Ele ainda é procurado.

Dois são mortos e três baleados em ação de criminosos em Pindamonhangaba — Foto: Arquivo Pessoal

Dois são mortos e três baleados em ação de criminosos em Pindamonhangaba — Foto: Arquivo Pessoal

O crime aconteceu na noite do dia 14 de janeiro no conjunto habitacional Terra dos Ipês, no distrito de Moreira César. De acordo com a polícia, doze homens em uma van pararam em frente à casa da família e abriram fogo. (veja vídeo da chegada dos criminosos abaixo)

Na ação, um homem de 58 anos e outro de 30 anos foram mortos. Outras três pessoas, duas mulheres de 25 e 44 anos e um homem de 21 anos, ficaram feridas.

Segundo a investigação da polícia, o crime teria sido motivado por vingança de dois homicídios atribuídos pelos criminosos à família. O grupo alvo dos criminosos era de Guaratinguetá, mas havia se mudado para Pindamonhangaba há poucos meses após ameaças.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *