Vale do Paraíba registra menor taxa de transmissão do Coronavírus no ano

A taxa de reprodução da Covid-19 caiu para 0,77 na última semana no Vale do Paraíba, atingindo pela segunda vez seguida a menor marca do ano.
Os dados são compilados pela plataforma SP Covid-19 Info Tracker. Trata-se de uma redução de 58,6% diante do marcador do início do mês de fevereiro, quando a taxa chegou a 1,86, maior índice desde junho de 2020, quando a doença iniciou o ritmo de queda sustentada com o avanço da vacinação.
No começo de janeiro, o indicador estava em 1,58 e vinha subindo com a disseminação da variante Ômicron do coronavírus, mais contagiosa. No mês, o número efetivo de reprodução (Rt diário) do coronavírus no Vale foi de 1,08, se tornando o quarto mais alto de todo o estado de São Paulo.
O índice de 1,86 representou o sétimo maior entre todas as regiões paulistas. De acordo com o Info Tracker, valores de Rt que estão acima de 1 representam um aumento na disseminação do vírus, enquanto valores que estão abaixo representam uma redução do contágio.
Atualmente, os maiores índices do estado são os das regiões da Baixada Santista (1,14), Grande SP Sudeste (0,94) e Sorocaba (0,90). A média do estado é de 0,84.

HISTÓRICO
Com mais uma semana em queda, o Vale atingiu taxa de transmissão de 0,79, a mais baixa desde outubro de 2021.
Segundo a Info Tracker, no Vale, o índice estava em 0,69 em agosto de 2021, chegando a 0,88 no começo de setembro e caindo novamente para 0,73 em outubro. A partir do final de novembro, com a chegada da variante Ômicron ao Brasil, o índice subiu a 0,96, chegando a 1,86 em fevereiro, até a queda recente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *