Preço da cesta básica tem alta em março na região, diz Nupes

Alimentos que puxaram alta foram cenoura (26,65%), tomate (9,70%) e feijão (13,01%).

O preço médio da cesta básica na região do Vale do Paraíba apresentou alta em março. Os dados são do Núcleo de Pesquisas Econômico Sociais (Nupes) da Universidade de Taubaté e foram divulgados na terça-feira (14).

De acordo com o Nupes, o preço médio em dezembro de 2019 foi de R$ 1.707,96. Em janeiro de 2020, passou para R$ 1.704,80 – uma redução tímida de 0,18%. Em fevereiro, passou para R$ 1.710,65. E, agora no último mês de março, subiu para R$ 1.749,79 – representando aumento de 2,29%.

A cidade com a cesta mais em conta foi encontrada em Campos do Jordão, por R$ 1.732,40. Já o preço mais alto foi encontrado em Caçapava, com os itens pesquisados chegando a R$ 1.773,90. Além dessas duas cidades, o levantamento também foi feito em São José dos Campos e Taubaté.

PRODUTOS
Os produtos que ficaram mais baratos foram o contrafilé (-4,47%), devido à baixa demanda interna e à redução significativa de exportações para países asiáticos. Também caíram os valores do frango (-4,02%) e alcatra (-2,83%).

Por outro lado, os alimentos que ficaram mais caros foram a cenoura (42,03%), consequência do clima quente e chuvoso que prejudicou a safra deste início de ano. A cebola teve aumento de 26,65%, o tomate de 9,70% e o feijão carioquinha de 13,01%. Também houve aumento no preço do ovo, de 7,53%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *