Novo reitor assume o Santuário Nacional de Aparecida no dia 27

O padre Carlos Eduardo Catalfo, de 51 anos, assume a reitoria do Santuário Nacional de Aparecida, pelos próximos quatro anos, no dia 27 de janeiro. A posse acontece durante a santa missa no Altar Central, presidida por Dom Orlando Brandes, arcebispo de Aparecida.
A nomeação do novo reitor ocorreu no último sábado, dia 5 de janeiro. Ele assume o Santuário de Aparecida em substituição ao padre João Batista de Almeida, que esteve à frente do Santuário entre 2015 e 2018. A eleição do missionário redentorista aconteceu em setembro de 2018 para o mandato 2019 a 2022.
Histórico
Padre Carlos Eduardo Catalfo nasceu no dia 5 de dezembro de 1968, em São Paulo. Ordenou-se diácono no dia 10 de fevereiro de 1996, por Dom Aloísio Lorscheider, então Cardeal Arcebispo de Aparecida, e foi ordenado padre no dia 20 de julho de 1996, na Paróquia de Santo Antonio, em São Carlos (SP), por Dom José Antonio Aparecido Tosi Marques, bispo auxiliar de Salvador (BA).

Atuou por seis anos na Editora Santuário (de 1996 a 2002), depois foi transferido para a Comunidade Redentorista do Jardim Paulistano, em São Paulo, como Vigário Paroquial da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, onde permaneceu até 2005.

Em junho de 2005, foi para Roma para se especializar na Teologia Dogmática. Retornou ao Brasil em 2007 e passou a residir na Comunidade do Alfonsianum, no Ipiranga, lecionando no Itesp (Instituto Teológico de São Paulo), de 2009 a 2010, onde também foi Superior da Comunidade.

Em 2011, retornou a Roma para o doutorado em Teologia. Voltou ao Brasil em 2012, para exercer o cargo de pároco da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Jardim Paulistano, enquanto também prosseguiu em seus estudos na tese de doutorado. Paralelo a isso, continuava lecionando no Itesp.

Fonte: Meon
Foto: Divulgação/A12

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *