Programa ambiental de São Paulo reprova 38 das 39 cidades do Vale

Nada menos do que 97% das cidades do Vale do Paraíba foram reprovadas no ranking ambiental do estado de São Paulo em 2018. É o pior resultado da região desde 2013 – ranking começou em 2011.

Dos 39 municípios do Vale, somente Caraguatatuba foi certificada pelo Programa Município Verde Azul, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, que premia as cidades com melhor desempenho ambiental.

Para tanto, de acordo com o governo estadual, leva-se em conta “diversos quesitos ambientais”, com o objetivo de “medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental”.

Caraguatatuba somou 81,31 pontos e ficou na 58ª colocação do ranking estadual deste ano, que contempla 69 cidades certificadas, 21 a mais do que em 2017.

O resultado ruim da região impactou até mesmo Caraguá, cidade certificada desde 2013 e que caiu de rendimento. Em 2017, o município havia obtido 89,57 pontos e a 12ª posição.

Neste ano, todas as 39 cidades do Vale participaram do programa estadual, que também alcançou todos os 645 municípios do Estado.

RMVALE.

Das 39 cidades do Vale, 28 melhoraram de posição no ranking neste ano na comparação com a lista de 2017. Onze pioraram a avaliação.

Depois de Caraguá, as melhores colocadas na região foram São Bento do Sapucaí (67ª posição e 77,92 pontos), Taubaté (68ª e 77,91), Ilhabela (85ª e 72,02) e São José dos Campos (136ª e 54,68).

Jacareí foi a 262ª cidade na lista estadual, com 24,75 pontos, pior do que o ranking de 2017 (214ª e 38,59 pontos). Guaratinguetá melhorou e saiu do 384º lugar para o 288º, passando de 11,21 para 18,21 pontos.

CIDADES DA RMVALE COBRAM MUDANÇAS NA AVALIAÇÃO PARA O PROGRAMA ESTADUAL

A Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade de São José ressaltou a melhora do município: “Subimos quase 30 posições”, mas cobrará mudanças para que a avaliação reflita “de forma mais abrangente o conjunto de iniciativas em prol do meio ambiente”.

A Secretaria de Meio Ambiente de Taubaté disse que há “diversos erros na avaliação” e que irá protocolar recurso. “Taubaté deveria ter feito entre 82 a 86 pontos [fez 77,91]”.

A Prefeitura de Jacareí disse que irá, em 2019, “implantar as políticas públicas ambientais necessárias para cumprir as diretivas do programa”.

(O Vale).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *